Após ser detido com arma e drogas, motorista do Conselho Tutelar de São José, é preso novamente

O motorista do Conselho Tutelar de São José do Vale do Rio Preto, foi preso novamente na tarde desta terça-feira dia 08. De acordo com a Polícia Militar, foram apreendidos no porão de sua casa,  uma garrucha calibre 38, uma garrucha calibre 32 e mais 16 munições calibre 22.

Na última segunda-feira dia 07, ele havia sido detido por conta de denúncias afirmando que ele estaria efetuando disparos de arma de fogo na Estrada Joana Cabral Morelli, localidade de Parada Morelli. Após a guarnição de plantão conseguir identificá-lo, localizando o acusado próximo à Ponte Branca, ele negou ter feito os disparos. Os policiais acompanharam o acusado até a residência dele, onde foi franqueada a entrada dos policiais para uma revista, sendo encontrado dentro do armário de seu quarto, um revólver modelo Rossi calibre 22, municiado com 7 munições intactas e uma caixa com mais 10 munições do mesmo calibre. Durante buscas em outros locais da residência, a equipe policial encontrou na varanda do imóvel, uma bolsa contendo um sacole de maconha e dois trituradores da erva. Ele foi levado para a delegacia, onde ficou detido. Mas pagou fiança e foi liberado.

Nesta terça-feira, uma nova denúncia, apontava que o acusado possuía mais armas em sua residência. Após tomarem ciência das informações, procederam até a sede do Conselho Tutelar em São José, onde após contato com o motorista, foram até sua residência para uma nova revista. Os agentes lograram êxito em encontrar mais duas armas no porão da casa. Foram apreendidas uma garrucha calibre 38 e uma garrucha calibre 32, ambas sem números de série, além de mais 16 munições de calibre 22.

O acusado foi encaminhado até a 104ª DP, onde posteriormente foi direcionado para à 110ª DP de Teresópolis. O acusado ficou preso novamente pelo crime de posse ilegal de arma de fogo.

O registro dos fatos foi feito através do boletim nº 2866615 e da ocorrência nº 110-00145/2019, respectivamente. A guarnição foi comandada pelo 3º Sargento Carvalho, com apoio dos Cabos Machado e Araújo, além dos Soldados Oliveira e Scali.

(Imagem: Divulgação Polícia Militar)

Anúncios