Eleições 2020 – Possíveis nomes já ganham força

Como de praxe, sempre que um governo chega à metade de sua gestão, como é o caso do governo Gilberto Esteves, já se começam as articulações e os burburinhos sobre possíveis nomes a ocuparem o cargo máximo do governo municipal. Em 2020 vamos às urnas eleger os candidatos ao cargos de vereador, prefeito e vice-prefeito.

Já é dado como certo, pelo menos três nomes para serem fortes candidatos a prefeito. O médico José Anacleto – terceiro colocado nas últimas eleições municipais, o advogado Ivo da Gama Pires – vereador em diversos mandatos e o empresário José Carlos do Mariano – também vereador por diversos mandatos em São José.

Existe ainda nomes como o do pastor Rubens de Carvalho (ex-vereador), o empresário Fernando Geoffroy (ex-vice-prefeito), o contador José Augusto (ex-prefeito), o professor José Adilson (ex-secretário de fazenda e educação), sem contar a possibilidade de aparecer nomes do atual legislativo municipal – como Francisco Bulhões e Marcelo Neves.

O atual prefeito, já declarou diversas vezes que não pretende ser candidato à reeleição. O que deverá ocorrer, será como sempre aconteceu em anos anteriores, onde esteve declarando apoio a algum candidato que acreditou ou que acredita ser uma boa opção para ser o próximo gestor do município.

Falando agora em uma vaga para o cargo do legislativo municipal, a gama de nomes é bem vasta. Pessoas que antes não se metiam na política já pensam em mudar seus envolvimentos e mostrarem que pretendem ser ferrenhos candidatos. Ouve-se dizer que teremos nomes dos mais badalados aos menos esperados neste próximo pleito. Dentre os supostos nomes citamos alguns, que podem ser candidatos, uma vez que populares já indicam que poderiam votar neles casos oficializassem a candidatura. Como Angela Guerra (esposa do atual vereador Fábio Guerra), Fátima Esteves (atual primeira dama), Rogério Caputo (atual secretário de agricultura), Luciano Pires (advogado e assessor jurídico da Câmara Municipal), Carlos Felipe Pacheco (fisioterapeuta e filho do ex-vereador José Carlos do Mariano), Rafaela Rampini (atual secretária de saúde), Fabiano Bitencourt (ex-secretário de turismo, esporte e lazer), Márcia Peters (professora), Fábio Alves (comunicador da rádio Catolica), Marquinhos do Hospital (enfermeiro), Rômulo Bulhões (ex-diretor do DAES e atual secretário de Defesa Civil), Rodrigo Costa Frias (advogado), Charles Vasconcellos (pastor e ex-assessor do vereador Marcelo Neves), dentre tantos outros nomes que vão surgindo a cada dia e que podem mostrar interesse real pela corrida a um cargo no legislativo municipal. Lembrando que nenhum desses nomes a candidatura legislativa se manifestou publicamente a respeito, são apenas indicações populares.

Verdade seja dita, boas e não tão boas opções haverão de surgir para o pleito de 2020.