Mulher encontra feto dentro de sacola deixada no porta-malas de carro, em Petrópolis

Uma mulher de 31 anos encontrou um feto no porta-malas do carro da família, na tarde do último domingo (10). O corpo, com aproximadamente três quilos – o correspondente a um bebê aos oito meses de gestação – estava dentro de uma sacola. De acordo com policiais militares acionados para atender a ocorrência, havia queimaduras na cabeça, rosto, braços e uma perfuração do lado esquerdo da barriga. O crime está sendo investigado pela 105ª Delegacia de Polícia (DP), no Retiro.

Em depoimento ao delegado da 105ª DP, Claudio Batista, a mulher que encontrou o corpo contou que sua esposa, de 37 anos, foi a última a usar o veículo, no sábado. Segundo ela, sua esposa estava no Carangola, em uma igreja, quando passou mal e foi socorrida por um pastor evangélico até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Cascatinha, onde acabou falecendo. De acordo com o delegado, a mulher já prestou depoimento e outras testemunhas serão ouvidas.

O pastor foi procurado pelos policiais militares e relatou aos agentes que no caminho para a UPA a vítima teria pedido para guardar uma sacola no porta-malas. Ele disse que pensou se tratar de salgados. A mulher também disse aos PMs que não olhou a bolsa no dia da morte da esposa e que só procurou saber o que tinha na sacola no domingo, após o sepultamento, acionando no mesmo momento a polícia.

O corpo da mulher foi enterrado no Cemitério Municipal do Centro.

Fonte: Tribuna de Petrópolis