Petrópolis: Secretaria Municipal de Saúde investiga o primeiro caso suspeito de coronavírus na cidade

O Hospital Santa Teresa, em Petrópolis, confirmou que está sob investigação o primeiro caso suspeito de coronavírus na cidade. Trata-se de um homem que deu entrada na unidade de saúde com um quadro viral. Segundo o hospital, o paciente apresentou os sintomas após uma viagem à França, passou por exames e está bem. Já teve alta hospitalar e ficará em quarentena em casa, conforme orientação médica. Ainda de acordo com o hospital, a Vigilância Epidemiológica do município foi notificada e todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas até que o resultado laboratorial do COVID-19 seja divulgado.

A Secretaria de Saúde do Município tratou o caso com cautela. Por meio de nota, informou que o paciente atendido no Hospital Santa Teresa relatou viagem recente à Espanha, onde não há casos de coronavírus. Também informou que esteve em Paris, na França, pela última vez em 10 de fevereiro. A vigilância em Saúde frisou que o período entre o retorno de Paris até a data de surgimento dos sintomas é maior do que o tempo de incubação do coronavírus. A secretaria informou que foi colhido material para exame de Influenza e enviado para o laboratório da Secretaria de Estado de Saúde (SES). Também houve comunicação à SES da descrição dos sintomas do paciente e histórico. A Secretaria Municipal de Saúde ressaltou que não há registro de casos confirmados da doença no município.

Na última quinta-feira, uma família com relato de viagem à Itália deu entrada na UPA Centro, dois deles com sintomas respiratórios. Segundo a Prefeitura, a vigilância em Saúde fez contato com a Secretaria de Estado de Saúde, que não considerou os sintomas suficientes para a classificação como coronavírus. Foram recolhidas amostras para exames para Influenza nos dois pacientes, que também estão em casa sob monitoramento da Secretaria de Saúde.

Fonte: Tribuna de Petrópolis

Envie denúncias, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp ou Telegram da Rede Info News (32) 9 9803-5633.