São José: Por falta de divulgação ampla, clientes da Enel vivem medo de pagar contas através de boleto

Desde julho deste ano, quando o primeiro caso foi registrado em São José do Vale do Rio Preto, apontando para um possível “golpe do boleto”, buscamos informações a respeito da nova modalidade de cobrança da Concessionária de Energia Elétrica Enel, responsável pela distribuição do serviço em vários estados, principalmente, na Região Serrana do Rio de Janeiro.

Mesmo a assessoria da Enel Distribuição ter emitido uma nota na época, tentando esclarecer sobre essa situação, o caso das tais cobranças foi parar no Procon, dando conta de um possível golpe utilizando o nome da concessionária, através de um boleto de pagamento da conta de energia falso.

A confusão surgiu porque, alguns usuários receberam em suas residências, boletos para pagamento através do Banco do Brasil. O que, até então, não era uma prática da empresa.

Por falta de divulgação mais ampla por parte da Enel, centenas de clientes se viram na dúvida em confiar ou não no boleto que estava sendo emitido através do Banco do Brasil, para o pagamento das contas de luz serem feitas. Como faltou melhores esclarecimentos por parte da empresa, antes da modalidade ser adotada, vários clientes ainda continuaram tendo essas mesmas dúvidas e compartilhando vídeos falando de um suposto golpe através desses boletos de cobrança.

O mais recente, foi nesta primeira semana do mês de setembro, onde um moradora de São José gravou um vídeo e compartilhou o conteúdo, sendo re-compartilhado por dezenas e dezenas de internautas que também ainda acreditam se tratar de uma informação verdadeira. Ou seja, que o boleto seria um golpe.

Após esclarecimentos em alguns grupos de whatsapp, o link diretamente do site da Enel, explicando sobre a questão, foi incluído e começou também a ser compartilhado, para desmentir que o boleto se tratava de um golpe. E que na verdade, fazia parte da nova modalidade de cobrança da concessionária.

No sentido de esclarecer o fato, a Enel emitiu uma nota, explicando que os boletos registrados do Banco do Brasil são válidos e poderiam ser utilizados pelos clientes para o pagamento das faturas.

Segundo a empresa, essa seria uma medida que serviria para facilitar o processamento da operação financeira. A Enel aponta que, quem recebeu o boleto de cobrança com código de barras, deve optar para pagamento preferencialmente, por meios digitais.

Então, diante da situação, a moradora que após tomar conhecimento da informação correta, gravou um novo vídeo, destacando que foi equivocada em compartilhar o conteúdo, e pode verificar que o boleto é uma das novas opões de pagamento da conta de luz da Enel.

A concessionária recomenda que o cliente não faça o pagamento no mesmo dia em que receber a guia, esperando pelo menos até o dia seguinte, para que já esteja feito o devido processamento das informações. Assim, não terá nenhum problema com a referida fatura.

Os clientes ainda podem optar por outras formas de pagamentos ou acessar suas informações de usuário, através da Assistente Virtual. Onde será possível conseguir a 2ª via de conta, consultar débitos, alterar o cadastro, avisar que ficou sem energia, dentre outros serviços. O atendimento pode ser solicitado via Whatsapp (21) 99601-9608; pelo aplicativo de celular – que está disponível para cada Estado em que a empresa presta o serviço; ou também pelo site da concessionária.

Para baixar os aplicativos da Enel para celular, acesse os links abaixo

SP: Android: https://bit.ly/2VmOsIj IOS: https://apple.co/2VpYh8q
CE: Android: https://bit.ly/2Ep9oZo IOS: https://apple.co/33oeC2p
RJ: Android: https://bit.ly/2E94Q9t IOS: https://apple.co/2UVpZcG
GO: Android: https://bit.ly/2EqgeOr IOS: https://apple.co/2UWpdMu

Então, para ficar claro, os clientes da concessionária podem receber o boleto tanto da Enel, quanto do Banco do Brasil, e as opções de pagamento se adaptam à rotina dos clientes: Débito Automático, Internet Banking, Caixas Eletrônicos ou Postos de Pagamento.

A empresa ainda divulgou um gráfico explicando as modalidades e detalhes das contas emitidas aos seus clientes. Para acessar as informações completas, basta clicar no site da empresa. ACESSE AQUI!

Confira um passo a passo de como identificar um documento falso para não cair em golpes

Passo a passo de como saber se o boleto é falso:

  • 1º passo: Como primeira dica, veja se a conta que você recebeu é Enel (convênio) ou Banco do Brasil (boleto bancário). A empresa emite o documento nas duas formas.
  • 2º passo: Em seguida, verifique se está correto o número da sua unidade consumidora e seus dados pessoais ou da sua empresa.
  • 3º passo: Compare o boleto atual que recebeu com os antigos verdadeiros já pagos. Se houver alguma diferença, desconfie.
  • 4º passo: Se ainda você estiver em dúvida sobre a autenticidade do documento, solicite uma 2ª via no site da Enel com o número da sua unidade consumidora e o CPF ou CNPJ.
  • 5º passo: A Enel preparou um esquema informando os dados verdadeiros de um boleto da empresa. Que está disponível no site da concessionária ou na imagem a seguir.

Envie denúncias, informações, reclamações, vídeos e fotos para o WhatsApp ou Telegram da Rede Info News (32) 9 9803-5633, e conte para nossa equipe como está a situação do seu bairro ou região.

Rádio Rede Info News – Ouça agora!!!