Três Rios: Após temporal, prefeitura define como situação de emergência na cidade

Após se reunir com membros da Defesa Civil Estadual, a prefeitura de Três Rios, no Sul do Rio de Janeiro, considerou os estragos causada pela chuva como situação de emergência nível 2. Segundo o decreto, a cidade vai ficar nesse estágio por 90 dias.

Situações de nível 2 abrangem desastres de médio porte, que podem ser superados sem a necessidade de auxílio externo. Durante a reunião, foram definidas estratégias para atender a população.

Inicialmente, o prefeito Joa havia falado em calamidade pública depois que um temporal atingiu a cidade na noite de domingo (10) e deixou, pelo menos, 100 pessoas desalojadas.

Uma criança de oito anos morreu depois de ter ficado presa dentro de um carro que foi arrastado na enchente. Ela estava com o pai no veículo e acabou se afogando. O homem conseguiu sair a tempo.

Na Estrada União Indústria, nove pessoas precisaram ser resgatadas do teto de um ônibus que ficou ilhado durante o temporal.

Nesta segunda-feira (12), equipes das secretarias de defesa civil, promoção social e de saúde estiveram nas ruas realizando trabalho de limpeza dos locais afetados e monitoramento das áreas de risco.

Pessoas que tiveram contato com a água da chuva estão sendo vacinadas. Um morador disponibilizou a casa como ponto de apoio para a vacinação e para recebimento de doações.

No bairro Portão Vermelho, mais de 420 casas foram atingidas. Moradores perderam eletrodomésticos, móveis, roupas e alimentos.

Entidades estão realizando campanhas para arrecadar materiais de limpeza e móveis que possam ser doados.

Em Levy Gasparian, também foram registrados estragos após o temporal e a prefeitura decretou estado de calamidade pública.

Ruas ficaram alagadas, parte do asfalto foi arrancado com a força da água e a enchente invadiu casas.

A Câmara Municipal disponibilizou o imóvel para receber doações para as famílias atingidas pela chuva.

Fonte: G1

Envie denúncias, informações, reclamações, vídeos e fotos para o WhatsApp ou Telegram da Rede Info News (32) 9 9803-5633, e conte para nossa equipe como está a situação do seu bairro ou região.

Rádio Rede Info News – Ouça agora!!!