São José: Moradores de Barrinha fecham rua em protesto pela falta d’água que já dura há dias

Moradores do bairro de Barrinha, em São José do Vale do Rio Preto, acabaram por promoverem um protesto pacífico, na noite desta quarta-feira dia 20, interditando a Estrada Silveira da Motta, por conta da falta d’água que vem afetando uma boa parte do bairro. A situação já vem acontecendo há dias. Tendo quem esteja apontando mais de 10 dias sem receber uma gota de água.

O protesto durou pouco mais de 4 horas, onde pediam uma resposta do prefeito Gilberto Esteves e dos representantes da empresa detentora da permissão para gerir a distribuição do sistema de água no município, a Águas do Rio Preto. Mas, desde cedo os moradores já estavam reunidos pedindo providências da municipalidade, dando prazo para até o início da tarde receberem abastecimento de água. Caso contrário, seria feita uma manifestação. O que acabou acontecendo, tendo em vista que um vídeo flagrou o caminhão pipa indo até o bairro mas não abastecendo a contento as residências que ainda seguiam sem água.

Ainda na noite desta quarta-feira, o chefe do Executivo publicou em seu perfil do facebook, que, nesta quinta-feira dia 21, “será dado início no processo de construção da ETA Camboatá”.

Segundo Gilberto, “primeiro será adquirido o equipamento com capacidade para produzir 34 litros por segundo, semelhante a que já está em funcionamento na região central da cidade (ETA Dois de Agosto)”. O objetivo, conforme publicado pelo prefeito, “é garantir o abastecimento de água (dos bairros) de Águas Claras até Rio Bonito”.

Envie denúncias, informações, reclamações, vídeos e fotos para o WhatsApp ou Telegram da Rede Info News (32) 9 9803-5633, e conte para nossa equipe como está a situação do seu bairro ou região.

Rádio Rede Info News – Ouça agora!!!